O ‘código genético’ da Constituição de 1988 na Escola de Candidatos

Claudio Couto, Coordenador do Mestrado Profissional em Gestão e Políticas Públicas (MPGPP) da EAESP-FGV, ministrou na noite desa segunda-feira (09) a aula do curso de formação política do PDT-SP da Capital, para os pré-candidatos do partido às eleições de 2020.

Claudio apresentou uma leitura diferente da Constituição Cidadã de 1988. Lançando um olhar mais voltado as ciências políticas e como o documento afeta a atuação de representantes políticos nos ambientes de governo do Brasil.

“Nós temos uma constituição que desde de 1988 nunca deixou de ser atualizada, daí a ideia de uma constituinte permanente ou constitucionalização permanente.

Dentro dessa idéia de uma constituição em constante atualização e suas influências no país Couto abordou diversos temas como:

  • Por que a Constituição se tornou o que é hoje? O que está presente na origem que permitiu os desenrolares que conhecemos.
  • A forma como esse processos de modificação do texto original se desenrolaram ao longo dos anos
  • Como se governa com esse documento em um presidencialismo de coalizão
  • Quanto mais ela cresce, mais ela dura?

“A constituição brasileira de 1988 especifica certos conteúdos, como detalhes orçamentários, que normalmente não são encontrados em outras constituições no mundo.” afirmou Claudio Couto sobre as peculiaridades da constituinte no país.

Para entender em mais detalhes os assuntos abordados por Cláudio Couto, assista a aula em nosso canal no Youtube:

Deixe uma resposta